saiba tudo sobre cadeiras

Curiosidades

Como escolher: Cadeira para Escritório

21 nov , 2012  

Sabemos que o quesito cadeiras é enorme para comentarmos, mas vamos tentar simplificar para que possamos entender o que estamos comprando seja online ou pessoalmente em lojas.

 

Separamos por tópicos os diferenciais mais comuns em cadeiras para escritório, assim como as perguntas mais frequentes:

Todas as suas dúvidas sobre o tema serão esclarecidas aqui !

COMO ESCOLHER CADEIRAS

Cadeiras estão envolvidas em nosso convívio diário, observe bem o modelo antes da compra, experimente, pergunte para o vendedor sobre tudo o que tiver dúvida. No caso de compras online é recomendado ler atentamente as descrições da cadeira, alguns sites não possuem medida, descrição ou qualquer tipo de informação, neste caso é preciso que acesse os portais disponíveis para falar com os atendentes, seja por chat online ou telefone, caso tenham loja, a melhor opção é realmente visitar a loja física para visualizar melhor e testar com precisão sua cadeira, vale a experiência de conseguir descontos em pagamentos direto na loja negociando com o vendedor.

No momento da compra precisamos levar em consideração a utilização da sua cadeira, para qual situação ela irá ser empregada, pois para cada local, existem linhas de cadeiras essenciais e completas.

 

Clique nas imagens para ir ao site solinemoveis.com.br e visualizar mais modelos

CADEIRA PARA SALA DE ESPERA: geralmente usam-se longarinas, que são sequências unidas de cadeiras simples, basicamente são cadeiras comuns enfileiradas lado-a-lado permitindo uma melhor utilização do espaço, poupando-o e organizando melhor o ambiente.

 

CADEIRA PARA VISITANTE: cadeiras de pés fixos ( iso ou palito ) que são para os clientes aproximarem-se das bancadas ou mesas, são de utilização rápida, tome cuidado na escolha, pense na impressão que quer passar a seus clientes, cadeiras de modelos mais sofisticados aparentam um cuidado maior com seu cliente, causando boa impressão e o retorno frequente.

 

CADEIRA SECRETÁRIA: cadeiras simples, com mecanismo de altura pneumático a gás, giratórias, pés estrela com rodízios para a fácil locomoção do funcionário, o encosto geralmente em “L” ( viga sanfonada de junção do assento e encosto ) ou com um sistema de catraca back system ( com ajuste de altura automático ).

 

CADEIRA CAIXA: são cadeiras parecidas com a cadeira secretária mas com altura muito maior, giratórias, utilizada para balcões, módulos altos de atendimento, o nome caixa vem realmente da utilização dela no comércio exatamente pelos profissionais que trabalham em caixas, a cadeira pode possuir braços ou não, o assento vai a uma altura de 72cm com sapatas niveladoras para maior fixação ao chão e aro ajustável para descanso de pés ( semelhante a um disco, fica preso á cadeira).

 

CADEIRA EXECUTIVA: cadeiras executivas são classificadas acima das secretárias, com as mesmas funcionalidades, porém, possuem uma padronagem maior, com assento mais largo possibilitando a opção de braços ( cadeira com braço ou sem braço, com ou sem ajuste de altura dos braços ), com o encosto mais largo e o espaldar curto, médio e alto ( espaldar = referente a altura do encosto ). Giratória com regulagem pneumática a gás, rodízios, encosto em L ou Back System ( back system = regulagem de altura com sistema de catraca automático ).

 

CADEIRA DIRETOR: é um pouco mais sofisticada e ergonômica do que a cadeira executiva, com mais mecanismos de ajuste e o espaldar mais alto, imponente, fazendo-se fama ao status do nome, com back system ou nenhum ajuste do encosto, sistema pneumático a gás de ajuste de altura da cadeira, braços com ou sem ajustes, pode ter algumas funções a mais como massagem, aquecimento programado, vibração, relax, entre outros. Também pode ser simples, tudo isso depende da montagem.

 

CADEIRA PRESIDENTE: cadeiras presidenciais são mais elaboradas e ergonômicas, atendendo a todas as normas, geralmente para uso prolongado ( 12h diárias ) sem causar desconforto ou incômodo do usuário, possui sistema relax ( geralmente excêntrico ), regulagem de braço e costas, ainda possui apoio para a cabeça com regulagem de ângulo, são projetadas especialmente, com últimos itens de série. Dá-se o nome presidente a cadeira por ser pertencente ao primeiro escalão das cadeiras.

 

CLÁSSICOS DO DESIGN: projetadas por designers famosos, cadeiras clássicas não são convencionais, com design arrojado e bem projetadas, com valor acrescido pelo nome de seus criadores. São muito utilizadas para causar boa impressão, não possuindo muitos ajustes, as mais conhecidas foram projetadas nas décadas anteriores a 1990, com muitas variáveis de estilos e apropriações, verifique o padrão original antes de obter um item desta classificação ( medidas, peso, materiais utilizados ) e pesquise sobre qual deseja adquirir, caso queira um modelo diferenciado do original, veja se o preço está de acordo com o que você irá receber.

preste atenção no modelo que você irá adquirir, quanto mais vistosa e completa for a cadeira, maior será o preço, evite comprar cadeiras muito chamativas ou de cores muito diferentes pois será mais difícil de ornar caso faça mudanças em seu escritório, procure manter uma padronagem de cores e modelos em sua empresa, não é muito proveitoso cada funcionário com uma cadeira diferente de outra, e modelos iguais evitam brigas entre funcionários. Sabemos que cadeiras indicam o status do funcionário em uma empresa, seja cautelosa (o) ao escolher a cadeira.

COMO ESCOLHER ESPUMA PARA CADEIRA

Tenha em mente o uso desta cadeira na sua empresa, primeiro pense no estofamento dela: será em espuma ou prefere tela? No caso de espuma, existem dois tipos:

ESPUMA LAMINADA: é a espuma antiga, em lâmina com baixa densidade (maior espaçamento tornando-a mais fofa), essa espuma é mais suscetível a afundar com o tempo, marcar e não é muito cômoda, com sua durabilidade comprometida.

ESPUMA INJETADA: é a espuma em molde injetado, já sai com o formato do assento e encosto, muito durável e resistente, a mais usada em cadeiras atualmente.

COMO ESCOLHER TECIDO PARA CADEIRA

A lista de tecidos para cadeira é enorme, existem os naturais, como couro e algodão e os sintéticos como nylon, mesh, lycra, courvin ( couríssimo , courino ou viena ), panamá, crepe, gobelén. Podem ser de diversas cores e texturas, também existem os opcionais, anti rasgo, queimaduras, manchas, os hipermeabilizados, entre outros.

TECIDOS NATURAIS: COURO, ALGODÃO.

TECIDOS SINTÉTICOS: NYLON, MESH, LYCRA, COURVIN, COURÍSSIMO, COURINO, VIENA, CAMURÇA, PANAMÁ, CREPE, GOBELEN.

Saber qual é o melhor para comprar depende do usuário, vai existir riscos de algum dos problemas citados acima? Se sim, pesquise e consulte o vendedor para obter algo que resista mais no seu escritório.

Alguns tecidos podem auxiliar melhor na respiração da pele, evitando a formação ou acúmulo de bactérias e fungos, assim como, odores ( tecidos como telas ). Outros evitam a absorção de líquidos e são de fácil limpeza como o courvin.

MECANISMOS DE CADEIRAS

Mecanismos na sua cadeira de escritório são essenciais para um ótimo convívio, e ajuste para diminuir dificuldades e dores causadas pelo processo de utilização frequente e desgaste do prórpio usuário. São mecanismos, geralmente, de ajuste da cadeira, para um maior conforto. Por ser bem extensa a lista de mecanismos, vamos listar os principais ítens, de série nacional e importados.

SISTEMA PNEUMÁTICO A GÁS: é o sistema de aumentar e diminuir a altura da cadeira, geralmente com o uso de uma alavanca posicionada ao lado direito, abaixo do assento. Ajuda a posicionar no melhor ângulo a cadeira, para que o usuário da cadeira sente-se confortavelmente, e ajuste-a corretamente de acordo com sua altura.

L SANFONADO: é a âncora em L que fixa o encosto ao assento, revestida com uma sanfona, algumas cadeiras podem até reclinar levemente para adaptar o corpo, mas a maioria é rígida. é o modelo mais comumente visto em cadeiras.

RELAX: é o movimento de inclinação ou reclinar da cadeira (semelhante a uma cadeira de balanço), acionado por uma alavanca, possui dureza que pode ser controlada por uma manivela posicionada geralmente a baixo do assento em frente a cadeira, regulando a densidade e facilidade com que a cadeira se reclina. Abrindo a manivela obtêm-se uma inclinação mais solta, utilizando menos esforço para reclinar e vice-versa. A alavanca pode interromper o relax com a cadeira reta, na posição original e comum, ou no limite total da inclinação.

RELAX EXCÊNTRICO: possui o mesmo mecanismo do relax convencional, porém, com uma capacidade a mais, ele possui uma trava que tranca o ângulo desejado de inclinação. Consegue-se parar a cadeira reclinada na posição desejada, alguns possuem de 3 a 6 posições de trava simultâneas entre os limites da inclinação.

BACK SYSTEM: é o sistema de ajuste de altura e inclinação do encosto da cadeira, existe o back system de I a VI, a diferença entre os eles são manivelas e modos de ajuste milimétricos, posicionamento de manípulas e sistemas integrados.

FLANGE: flange é a base do assento da cadeira, nela ficam acopladas as manípulas, manivelas e outros itens para os mecanismos principais da cadeira. Ela é o conjunto de ferros que é preso abaixo do corpo do assento da cadeira.

CATRACA: é um mecanismo de ajuste com degraus internos, o som é semelhante a uma catraca, geralmente usado em braços e encostos, com uma variável de 6 degraus. A cada degrau ele trava e chegando ao último ele destrava todos e volta ao início. Sistema bem simples e preciso de ajuste de altura por catraca na cadeira.

CONFIGURAR UMA CADEIRA?

Para configurar uma cadeira você tem que entender como ela funciona, nos tópicos acima você pode esclarecer estas dúvidas. Iremos falar de partes da cadeira giratória mais comum para configurar, mas recomendamos que na hora da compra da cadeira você tire suas dúvidas com alguém de confiança no ramo, seja um consultor ou até mesmo o vendedor, pesquise e informe-se sobre a cadeira e suas necessidades para não errar na hora “H”.

PARTES DE UMA CADEIRA GIRATÓRIA: Rodízios: são as rodinhas que ficam fixadas a base; Estrela: é a base que pode ser modelo estrela, aranha, entre outros; Pistão: segura a estrela e possui o sistema a gás que ajusta a altura da cadeira; Flange ou Mecanismo: são os ferros que adaptam o assento o encosto e a base (é o esqueleto da cadeira), nela geralmente ficam todos os mecanismos da cadeira; L: o L da cadeira pode ser sanfonado ou em ferro duplo, é o ferro que segura o assento ao encosto da cadeira (as vezes não é fixado na flange); Assento: onde é afixada a flange; Encosto: pode ter o braço fixado, no caso de braço modelo orelha; Braço: parafusado na flange, nas costas do encosto ou contínuo. Parafusos: caso encomende uma cadeira desmontada junto ao pacote irão parafusos, normalmente sextavados para a fixação de todos os componentes.

Saiba que existem modelos diversos, com opções diferenciadas. Opte sempre por algo que atenda suas necessidades.

IMPORTADA OU NACIONAL

Cadeiras assim como tudo o que é comercializado possui o valor de acordo com o que é gasto para construí-la. Com o material utilizado, os funcionários com a mão de obra e a valorização do produto no quesito importação e exportação. Cadeiras importadas sofrem um grande acréscimo na vinda para o Brasil, com impostos mais rígidos, é mais difícil a entrada dela e por isso o valor torna-se demasiado alto. Sabemos que as indústrias famosas geralmente não residem no seu país de origem, contratando mão-de-obra em outros países com o custo de fabricação mais baixo (marcas famosas têm seus pólos industriais no continente africano e asiático) para obter lucro maior. Ainda assim utilizando matérias primas de excelente qualidade.

Já as peças fabricadas aqui no Brasil possuem uma valorização competitiva, com materiais de excelente qualidade e duráveis, com a segurança da manutenção e garantia fornecidas por fabricantes há muito no ramo.

Mas tudo realmente depende da qualidade do material e o processo de montagem dos componentes, cadeiras mais caras normalmente são feitas com um material melhor, possuem certificados e garantias extensas, verifique o acabamento e o material, caso a cadeira tenha uma garantia longa isso denota o quanto é resistente o material e confiante o fabricante que a desenvolveu.

VALORES

Cadeiras possuem valores diferenciados por modelos. Existem diferenças nos preços de cadeiras então listamos as mais comumente vistas e a faixa mínima de nacionais e importadas. Entenda, antes de verificar nossa faixa, que: os valores são calculados por seus componentes, ou seja, se adquirir uma cadeira de modelo simples com pés cromados tecido em couro natural ela sairá mais cara do que uma de modelo ergonômico com componentes simples como pés em poliuretano e tecido sintético.

Vamos a Lista de preço de Cadeiras caso queira ver os modelos clique no nome e vá para o site:

APROXIMAÇÃO: valor R$80,00
SECRETÁRIA: valor R$100,00
EXECUTIVA: valor R$160,00
DIRETOR: valor R$240,00
PRESIDENTE: valor R$350,00
NACIONAL: valor R$75,00
IMPORTADA: valor R$500,00

POSTURA

Não passe longos períodos em uma mesma posição na cadeira de escritório. No mínimo a cada 2 ( duas ) horas alongue o corpo esticando-o: Costas; Braços; Punhos; Pescoço; Joelhos; Pés.
O joelho deve ficar em ângulo de 90° graus com os pés apoiados planamente ao chão
Mantenha ombros e coluna eretos, sem pender nem forçá-los demais
O cotovelo precisa permanecer junto ao corpo
Braços e punhos devem ficar sempre retos em ângulos proporcionais para o descanso.
Sua cabeça deve estar sempre reta sem forçá-la para cima ou para baixo, não se deve aproximar demais o olho de objetos luminosos para não forçar e ocasionar desconforto.
Apoie o tronco no encosto da cadeira para mantê-lo reto.

REGULAMENTAÇÃO E CERTIFICADOS

Tratando de uma corporação ou empresa com funcionários registrados, existem normas de bem estar e saúde do funcionário, e dentro delas existe as normas ABNT NBR para as cadeiras que os funcionários utilizam. É uma série de regulamentos de proporção e ajuste da cadeira no qual o funcionário irá se sentar. A empresa que não cumpre com a vigilância do bem estar dos contratados de sua empresa pode garantir multas por tratamento indevido no local de trabalho. Essas normas existem para todo o material disponível e também para as cadeiras corporativas. No caso de dúvida, visite nosso site para saber mais sobre essas regras e normas estabelecidas pela ABNT, temos a matéria completa com demonstrações e explicações das normas para melhor entendimento

Clique, visite e saiba mais em:

 NORMAS ABNT no site SOLINEMOVEIS.COM

Fazer o melhor negócio é algo que só com o tempo você vai saber, por isso, compre em lugares conhecidos e com garantias, conheça o vendedor e o produto, não só para cadeiras mas para qualquer item. Saiba quem são os fabricantes e se é um produto de confiança, se vai suprir suas necessidades. Teste, pergunte e procure entender melhor do que se trata, não se deixe levar por aparência e nem sempre a cadeira mais cara é a melhor. Pesquise.

Caso tenha alguma dúvida, comente e vamos esclarece-la para você !

, , , , , , , , ,

By



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *